23 de mar de 2012

derrota



Cansado de tanta humilhação,
De tanta falsidade sobre o mesmo teto,
De ser tratado como ninguém,
Ser considerado apenas um nada que ocupa espaço e traz prejuízo,
To cansado, de ouvir falarem mal de mim pelas costas,
De várias vezes escutar algo e não poder fazer nada,
Cansado da vida, cansado de viver...
Não consigo mais me calar diante tanta hipocrisia,
Diante tanto desavença,
Diante tanta briga e discussão...
Uma hora isso cansa, uma hora toda a força que contenho vai embora, 
Todo poder que vinha diante minhas palavras somem,
Somem como se fosse vento...
Não sei mais o que fazer,
Realmente não sei...
Me sinto uma folha de papel amaçada, e sem mais valor algum...
Me sinto como um lixo,
Como um lixo...